8.25.2006

O ORGULHO EM SER PORTUGUÊS

Qualquer semelhança com a realidade é pura...e simplesmente verdade...
Ser português é ... ser maior!!!!
Levar o arroz de frango para a praia.
Guardar aquelas cuecas velhas para polir o carro.
Criticar o governo local mas jamais se queixar oficialmente.
Ladie'snight à quinta.
Ter tido a última grande vitória militar em '1385'.
Enfeitar as estantes da sala com as prendas do casamento.
Guiar como um maníaco e ninguém se importar com isso.
Viajar pó quinto dos infernos e encontrar outro Tuga no restaurante.
Ter folclore estudantil anual por causa das propinas.
Ninguém saber nada do nosso país excepto os Brasileiros e os Espanhóis que gozam dele.
Levar a vida mais relaxada da Europa, mesmo sendo os últimos de todas as listas.
Ter sempre marisco, tremoços e álcool anualmente a preços de saldo.
Receber visitas e ir logo mostrar a casa toda.
Dar os máximos durante 10 km para avisar os outros condutores da polícia adiante.
Ter o resto do mundo a pensar que Portugal é uma província espanhola.
Exigir que lhe chamem 'Doutor' mesmo sendo um Zé Ninguém.
Exigir que o tratem por Sr. Engenheiro mas não tratar ninguém com outras profissões por Sr. Pintor, Sr. Economista, Sr.Contabilista ,Sra.Secretária, Sr. Canalizador, Sra.Cabeleireira.
Passar o domingo no shopping.
Tirar a cera dos ouvidos com a chave do carro ou a tampa da esferográfica.
Axaxinar o Portuguex ao eskrever.
Gastar 10 mil contos no Mercedes C220 cdi, mas não comprar o kit mãos-livres porque 'é caro'.
Ir à aldeia todos os fins-de-semana visitar os pais ou avós.
Gravar os 'donos da bola'.
Ter diariamente pelo menos 8 telenovelas brasileiras e 2 imitações rascas da TVI na televisão.
Já ter 'ido à bruxa'.
Filhos baptizados e de catecismo na mão mas nunca pôr os pés na igreja.
Ir de carro para todo o lado, aconteça o que acontecer, e pelo menos a 500 metros de casa.
Lavar o carro na fonte ao domingo.
Não ser racista mas abrir uma excepção com os ciganos.
Levar com as piadas dos brasileiros, mas só saber fazer piadas dos alentejanos e dos pretos.
Ser mal atendido num serviço, ficar f*dido da vida mas não reclamar por escrito 'porque não se quer aborrecer'.
Viver em casa dos pais até aos 30 anos.
Na terceira idade, pendurar o guarda-chuva nas costas.
Acender o cigarro a qualquer hora e em qualquer lugar sem quaisquer preocupações.
Ter pelo menos 2 camisas traficadas da Lacoste e 1 da Tommy (de cor amarelo canário e azul cueca).
No restaurante largar o puto de 4 anos aos berros e a correr como um louco a incomodar os restantes tugas.
Ter bigode e ser baixinho(a).
Conduzir sempre pela faixa da esquerda da auto-estrada (a da direita é para os camiões).
Ter o colete reflector no banco do passageiro.
Pendurar o cd no retrovisor para 'enganar o radar'.
Ter três telemóveis.
Jurar não comprar azeite Espanhol nem morto, apesar da maioria do azeite vendido em Portugal ser Espanhol.
Organizar jogos de futebol solteiros e casados.
Ir à bola, comprar 'prá geral' e saltar 'prá central'.
Gastar uma fortuna no telemovel mas pensar duas vezes antes de ir ao dentista.
Cometer 3 infracções ao código da estrada por quilometro percorrido.
Pode não ser tudo verdade, mas não anda longe.

7 Comments:

At 10:54 da tarde, Blogger teresa said...

Hehehe.. mt bem analisado.. ainda há gente que não gosta do nosso país.. digam lá que ser tuga não é fixe?? :)

 
At 11:50 da tarde, Blogger Raja Macaúbas said...

Tens certeza que escrevete sobre o Portugal..? Pensei ter visto uma descrição do povo brasileiro.!!!

AUshAUHsuAsuhAs

BOM fds pra você..1

 
At 12:38 da tarde, Blogger Zig said...

Minha nossa, ainda bem que estás a brincar. Não se pode generalizar! É que se Portugal fosse isso, não tinha ficado cá!

Mas podes acrescentar mais nessa lista tal como:

Ultrapassar sempre o carro que está à frente já que é mais velho que o teu.

Meter logo o pisca-pisca quando parado atrás de um carro que acabou de parar, não por estar no código mas por medo de ser ultrapassado.

Nas (aberrantes) rotundas pequenas não meter o pisca, já que estou com prioridade e o outro que se lixe.

Estacionar como quero, se o outro depois tiver dificuldades em sair, que aprenda a conduzir.

Depois de cometer um erro no trânsito, em vez de pedir desculpa, mandar os outros pró c......

Sorry, esses desabafos todos. Não sou perfeito a conduzir, também cometo erros, mas por vezes vê-se cada uma....

 
At 5:27 da tarde, Anonymous Amers[marcas]em Cabochard... said...

adorei esse teu post, admirável o bom humor...beijus

 
At 7:55 da tarde, Blogger Zig said...

Mais duas para acrescentar

Aquela gente a fumar dentro do carro com crianças no banco de traz, e a janelinha um pouco de nada aberto, para não despentear a senhora, para o ar-condicionado não trabalhar demais....

E claro, crianças. Sinto de segurança? Já ouvi falar disso, mas conduzo com cuidado....

 
At 10:29 da tarde, Anonymous Babs said...

comentário fantástico! Só falta acrescentar as meis de mousse pelo joelho e as batas às flores com bolsos de chapa tão queridas de certas donas de casa. Ah, e ainda aquelas pessoas que, sempre que vêem outra tratar um cão com carinho e desvelo dizem logo que trata bem os animais mas secalhar maltrata as criancinhas.

 
At 5:42 da tarde, Blogger Serenity said...

Porra, atão nã é que somos isto tudo!!!!

 

Enviar um comentário

<< Home

Counter
Free Web Site Counter